47º Congresso da Assemae premia startup que monitora vazamentos de rede de abastecimento

jul 6 • Meio AmbienteNenhum comentário em 47º Congresso da Assemae premia startup que monitora vazamentos de rede de abastecimento

A vencedora é de Sorocaba 

   A empresa Stattus4, incubada do Parque Tecnológico de Sorocaba, venceu o Prêmio Startup Assemae 2017, com um projeto inovador na área do saneamento. A empresa concorreu com outras 20 participantes de todo o país e empatou em primeiro lugar com outra startup, a Wetlands Construídos. Os vencedores foram anunciados no encerramento do 47º Congresso da Assemae (Associação Nacional dos Serviços Municipais de Sanemanto), no último dia 22, em Campinas.

O Prêmio Startup Assemae 2017 é pioneiro na América Latina como iniciativa destinada inteiramente a soluções inovadoras no setor de saneamento básico, de acordo com seus organizadores. A iniciativa busca contribuir com o setor, apresentando novas tecnologias focadas na melhoria dos serviços públicos.

De acordo com Marília Lara, sócia e responsável pela administração e marketing da Stattus4, o projeto da empresa inscrito no prêmio foi o Fluid: Sistema de Detecção Automática de Vazamento em Ramais, que através do uso de tecnologia de Inteligência Artificial e Aprendizagem de Máquina, possibilita a rápida detecção de um vazamento.

Segundo o Instituto Trata Brasil, hoje o país perde, em média, 37% da água coletada. E cerca de metade desta perda ocorre nos ramais, entre a rua e uma casa. “Sensores emitem relatórios e assim o software possibilita a detecção rápida de vazamentos, sem a necessidade de um especialista, chamado geofonista, caçando o vazamento de rua em rua”, explica Marília.

Segundo ela, sensores instalados nos cavaletes das casas emitem informações para a central de processamento, indicando onde podem existir vazamentos. Com isso, a procura por esses vazamentos deixa de ser manual, com um técnico indo de rua em rua procurando, o que demanda muito tempo, ou após crateras se abrirem no solo com os vazamentos.

Os sensores detectam os problemas com a rede de distribuição, e indicam a probabilidade de haver de fato um vazamento em determinada localidade, otimizando o tempo para o conserto e reduzindo custos com esse processo.

 

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

× Como posso te ajudar?