Prefeitura de Campinas assume Hospital de Campanha de ONG

A Prefeitura de Campinas vai assumir o Hospital de Campanha da ONG Expedicionários da Saúde, que estava sendo montado no Ginásio da Unicamp. O anúncio foi feito pelo prefeito Jonas Donizette durante transmissão ao vivo na internet. De acordo com o prefeito, estão sendo realizadas reuniões com os representantes da ONG e a Prefeitura propôs que a unidade seja montada no Ginásio dos Patrulheiros, que fica próximo do Hospital Mário Gatti, do AME (Ambulatório Médico de Especialidades) e do Centro de Saúde São Bernardo, um dos maiores do município.  

  O hospital deve contar com 108 leitos, sendo cinco de UTI. O custo da unidade é em torno de R$ 3,9 milhões, incluindo alimentação, pessoal, remédios, entre outros. As tendas e a montagem ficam sob responsabilidade da ONG, que tem a estrutura.    

AME  

A Vigilância Sanitária realizou nesta segunda uma vistoria no prédio onde funcionará o Ambulatório Médico de Especialidades (AME). Depois de negociação com o Governo Estadual, a Administração conseguiu que o AME seja provisoriamente uma unidade Covid-19. No local, serão instalados 35 leitos para tratamento da doença. O AME está sendo gradualmente equipado e a expectativa é que comece a funcionar em breve, inicialmente com dez leitos.

Read Previous

Unicamp transfere para junho os pedidos de Isenção da Taxa do Vestibular 2021

Read Next

Zona Azul tem cobrança suspensa até 21 de abril em Campinas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *