Trecho da Avenida JBD está interditado na região do Jardim Aurélia

Ao longo desta quarta-feira, 12 de agosto, a marginal da Avenida John Boyd Dunlop (JBD) será interditada ao tráfego de veículos, no sentido bairro, no trecho em frente ao Shopping Unimart e ao hipermercado Enxuto, entre as vias Império do Sol Nascente e José dos Santos. As obras de implantação do Corredor BRT (Bus Rapid Transit – Ônibus de Trânsito Rápido), Campo Grande avançam para nova etapa na região do Jardim Aurélia, em Campinas/SP.

Também será interditada, provisoriamente, a transposição da Avenida JBD pela Avenida José Pancetti, que ocorria pela nova alça de acesso, liberada para circulação em dezembro. As medidas são necessárias para a realização de obras de drenagem, fresa e requalificação asfáltica do trecho. A previsão inicial é que as interdições se estendam por cerca de 10 dias.

“As interdições serão promovidas com o intuito de agilizar a liberação deste trecho do BRT Campo Grande. Esta região será uma das mais beneficiadas por esta grandiosa obra. Houve rebaixamento do eixo da pista expressa para eliminar um dos pontos de cruzamento em nível, como forma de privilegiar o transporte público e agilizar o tráfego de veículos”, detalha o secretário de Transportes e presidente da Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), Carlos José Barreiro.

O desvio também servirá os motoristas que vêm da Avenida José Pancetti com destino ao sentido Centro e ao Jardim Miranda. Será necessário prosseguir pela Avenida JBD, passando sob o viaduto da Rodovia Anhanguera, Rua Alfredo Battibugli e Avenida Transamazônica. Na sequência, é possível transpor a avenida para retornar ao sentido Centro da Avenida JBD.

Para viabilizar os desvios, a Emdec implanta sentido único de circulação na Rua José dos Santos, provisoriamente, no trecho entre as vias Mário de Sampaio Ferraz e Avenida JBD. O estacionamento de veículos fica proibido nas vias Mário de Sampaio Ferraz e José dos Santos.

A população pode esclarecer dúvidas pelo telefone 118, o “Fale Conosco Emdec”.

BRT campineiro

A região do Jardim Aurélia recebe obras de execução do pavimento de concreto que servirá aos veículos BRT, além da construção da Estação Jardim Aurélia e de uma obra de arte, formada por dois viadutos e passagem inferior. Em paralelo, ocorre ainda a construção do viaduto que interligará o Corredor Campo Grande ao Perimetral (antigo leito do VLT – Veículo Leve sobre Trilhos).

Futuramente, o tráfego de veículos na pista expressa será feito sob a Avenida JBD, pelas passagens inferiores. A região terá 10 faixas de rolamento: duas por sentido nas pistas expressas, duas por sentido nas marginais e uma por sentido para os veículos do BRT.

O BRT Campo Grande terá 17,9 km de extensão, saindo da região central, ao lado do Terminal Mercado, seguindo pelo leito desativado do antigo VLT, Avenida JBD, passando pelo Terminal Campo Grande e chegando ao Terminal Itajaí. Os três corredores BRT do município – Campo Grande, Ouro Verde e Perimetral – somam 36,6 km de extensão e custo total de R$ 451,5 milhões.

Read Previous

6 pontos que indicam se você é tímido ou tem ansiedade social

Read Next

Artigo: Vacina contra a Covid-19, o que precisamos saber

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *