Geral São Paulo restringe visitas à população encarcerada

O governo do estado de São Paulo anunciou hoje (19) novas regras para as visitas à população encarcerada no estado. A medida foi tomada para evitar o contágio de presos com o novo coronavírus.

Segundo a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), cada detento poderá receber apenas um visitante por final de semana. Ficou estabelecida também a proibição da visita de maiores de 60 anos, menores, e de pessoas que se enquadrem no grupo de risco para a infecção.

Assim como já ocorreu no último fim de semana, os visitantes continuarão a passar por triagem na entrada das unidades prisionais, e aqueles com sintomas de enfermidades não poderão entrar. “O interesse coletivo prevalece e a medida busca a proteção de todos”, disse a SAP, em nota.

A secretaria informou que nos presídios onde houve rebeliões na última segunda-feira (16) – nos Centros de Progressão Penitenciária de Mongaguá, Tremembé e Porto Feliz, e na ala de semiaberto da Penitenciária 1 de Mirandópolis – as visitas estão suspensas para a reorganização interna das unidades.

Por Bruno Bocchini – Repórter da Agência Brasil – São Paulo

Read Previous

Ministério da Saúde registra 621 casos confirmados e 6 mortes pelo novo coronavírus

Read Next

Dia para reflexão sobre a água

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *