Obras no Centro de Convivência têm início; feiras serão mantidas na praça

A primeira etapa reforma do Centro de Convivência Cultural de Campinas teve início na manhã desta segunda-feira, 5 de outubro, com a empresa Progredior Ltda. O prefeito Jonas Donizette destacou sobre o início da obra durante transmissão pelas redes sociais, na tarde desta segunda-feira, 5 de outubro.

“Para registrar e prestar contas, quero destacar a reforma do Centro de Convivência, que começou na manhã de hoje. O espaço está sendo todo cercado e, mesmo com a reforma, as feiras (Feira Cultural, aos sábados e domingos, das 9h às 14h, e feiras livres, de terça e sexta-feira, das 6h às 13h) que funcionam na Praça Imprensa Fluminense, onde fica o Centro de Convivência, serão mantidas”, disse o prefeito Jonas Donizette.

Nesta primeira etapa da reforma do Convivência será refeita toda parte estrutural, o que inclui novo sistema de drenagem; eliminação de infiltrações, de fissuras e reparos na estrutura de concreto armado; nova impermeabilização e substituição completa das redes elétrica e hidráulica; adequações de acessibilidade e para atender às normas de segurança do corpo de Bombeiros. A previsão de obra desta primeira etapa é de 24 meses.

A conclusão desta primeira fase de obras vai permitir a utilização imediata das áreas de exposição, administrativa, do antigo bar, sala de ensaio da Orquestra, entre outros.

Em uma segunda etapa, no futuro, serão trocados os equipamentos da área cênica, de iluminação e de acústica do teatro.

O Centro de Convivência Cultural de Campinas foi inaugurado em 9 de setembro de 1976, e está interditado desde 14 de dezembro de 2011. Reabriu parcialmente no início de 2012 para a Campanha de Popularização do Teatro.

Feira Hippie passa a funcionar nos feriados e sexta e segunda-feira

A Feira Cultural do Centro de Convivência, conhecida como “Feira Hippie”, retornou a todo vapor e apresenta a novidade: além do habitual sábado e domingo, também funcionará aos feriados quando as datas coincidirem na sexta ou na segunda-feira, sempre no horário das 9h às 14h. Portanto, no próximo feriado, 12 de outubro, a população e os visitantes já poderão desfrutar da diversidade dos produtos.

Dos 350 cadastrados, 280 expositores já voltaram às atividades. As barracas têm distanciamento de 1,50m entre elas e obedecem, com rigor, o protocolo de saúde: os expositores usam máscara o tempo todo e disponibilizam álcool gel para os clientes.

Nas barracas de alimentação, os produtos não poderão ser consumidos no local, mas estão liberados para a retirada do pedido.

Além de fomentar a economia criativa, com a pluralidade, criatividade e originalidade dos produtos, a Feira Hippie, nos mais de 40 anos de atividade, é um dos principais pontos turísticos da cidade.

Read Previous

Secretaria de Saúde promove atividades para marcar Outubro Rosa

Read Next

Hacker Rangers oferece plataforma para disseminar cibersegurança

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *