Secretaria de Saúde promove atividades para marcar Outubro Rosa

A Secretaria de Saúde de Campinas promove uma série de atividades para marcar o Outubro Rosa, mês de prevenção do câncer de mama. Por conta da pandemia, as ações serão realizadas respeitando o distanciamento social. O objetivo é conscientizar a população sobre a importância do autocuidado com as mamas e dos exames de prevenção. A informação foi dada pelo prefeito Jonas Donizette durante transmissão ao vivo na internet na tarde desta segunda-feira, 5 de outubro.

Serão promovidas palestras pelas redes sociais e oficinas de artesanatos nos centros de saúde, respeitando as regras sanitárias.

As unidades estão decoradas com balões e flores cor de rosa, cartazes com dicas de prevenção e orientações sobre o autoexame. Materiais educativos serão distribuídos.

“O Outubro Rosa é um momento de lembrar as mulheres da absoluta importância da prevenção ao câncer de mama”, disse o secretário de Saúde, Carmino de Souza.

As mulheres que perceberem algum desconforto nas mamas devem procurar o seu centro de saúde de referência para orientação, independente da idade. A mamografia é priorizada para pacientes com alguma suspeita ou para aquelas que tenham histórico de câncer de mama.

Em razão da pandemia, para garantir o distanciamento e fazer a higienização correta dos equipamentos, os exames estão sendo agendados com intervalo maior de horário – a média é de uma paciente por hora.

Fila zerada

Em Campinas, são realizadas cerca de 4,4 mil mamografias por mês no Hospital de Amor e no Hospital da PUC. “Importante lembrar que não há fila para exame de mamografia no SUS desde o segundo ano do nosso primeiro mandato”, disse o prefeito.

Entre janeiro e julho do ano passado, foram realizadas 20.811 mamografias das 30.727 ofertadas na rede municipal.

No mesmo período deste ano, foram feitos 8.220 dos 12.938 exames ofertados pela rede. Essa queda de 2020 em relação a 2019 aconteceu por causa do coronavírus.

O câncer de mama é a principal causa de morte por câncer entre as mulheres. A melhor forma de prevenir a doença é realizar exame clínico anual e mamografias.

Em Campinas, a recomendação é para que as mulheres façam a mamografia a partir de 40 anos. Em geral, pelo SUS, o exame é indicado a partir dos 50.

Read Previous

Professores: quem cuidará deles?

Read Next

Obras no Centro de Convivência têm início; feiras serão mantidas na praça

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *