Rua General Osório priorizará ônibus a partir do final de agosto

Faixa exclusiva para o transporte coletivo foi implantada na via e entra em operação na próxima segunda, dia 30 

A Secretaria de Transportes (Setransp) e a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) vão colocar em operação mais uma faixa exclusiva para ônibus na área central, na próxima segunda-feira, dia 30 de agosto. A Rua General Osório, no trecho entre a Avenida Francisco Glicério e a Avenida Anchieta, será contemplada com a faixa para circulação apenas de ônibus. Será um espaço exclusivo à direita, totalizando mais 300 metros de priorização ao transporte público. A General Osório conta com três faixas de rolamento.  

Nessa via, a faixa vai operar em período integral, nas 24 horas do dia, de segunda a domingo, complementando as faixas exclusivas já existentes na Av. Campos Salles, por onde circulam 50 linhas do transporte coletivo. Dessas 50 linhas da Campos Salles, sete acessarão o corredor da General Osório. 

Pela General Osório, circulam, diariamente, cerca de 13 linhas do transporte público e 50 ônibus/hora, que transportam por volta de 34 mil passageiros/dia. Por essa via passam as linhas:  249, 260, 317, 331, 332, 345, 346, 348, 357, 359, e 371, além das linhas do Corujão: 309 e 339.  

Para iniciar essa operação, Setransp/Emdec também revitalizaram toda a sinalização horizontal da via, incluindo faixas de pedestres, retenção e balizamentos. Na faixa exclusiva, foi incluída, como marca de separação das outras faixas, “vibraline”, que permite que o motorista perceba que está circulando em via de corredor exclusivo para ônibus.

Expansão das faixas exclusivas

Dentro do plano de priorização do transporte público coletivo, com a expansão das faixas exclusivas na área central, neste mês de agosto já foi implantada faixa exclusiva na Avenida Júlio de Mesquita, no trecho entre as vias Irmãos Bierrembach e Avenida Benjamin Constant. 

De acordo com estudos da Setransp/Emdec, novas vias passarão a priorizar o transporte coletivo na área central. Os locais serão anunciados gradativamente nos próximos meses. 

Para o secretário de Transportes, Vinicius Riverete, “Campinas está empenhada em dar mais qualidade e eficiência aos ônibus e a implantação de faixas é uma das ferramentas para tornar o serviço de transporte mais competitivo e atrair mais usuários.” 

De acordo com Ayrton Camargo e Silva, presidente da Emdec, “os ônibus encontram diversos obstáculos no sistema viário, pela falta de disciplinamento na circulação. Ao definirmos um espaço exclusivo para a operação desse modal, reduzimos esses problemas. São esforços para aumentar a confiabilidade da operação das linhas e diminuir a disputa pelo uso do sistema viário entre os ônibus e o restante dos veículos. As faixas exclusivas são facilitadores para melhorar a qualidade da operação.” 

Read Previous

Governo de SP inicia 3ª dose para idosos no dia 6 de setembro

Read Next

Iniciativa Sábados Azuis dá início a atendimento gratuito a gestores de turismo

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *