Torre do Castelo terá visitas suspensas

Do alto da Torre do Castelo é possível ver quase toda a cidade de Campinas

Torre do Castelo vista do alto

Previsão é que serviços de manutenção predial levem cerca de 30 dias. Durante este período, público não poderá visitar Torre.

A Torre do Castelo passará por pintura interna e externa a partir deste sábado, dia 16 de outubro, preservando a sua cor original. O trabalho, de manutenção predial, inclui a impermeabilização da cúpula, evitando assim infiltrações.

Obra

A torre do Castelo, Vitor Negrete fica na praça 23 de Outubro, no Jardim Chapadão
Cartão postal da cidade, Torre do Castelo proporciona vista panorâmica da cidade (Divulgação-PMC)

A obra na Torre do Castelo deverá levar aproximadamente um mês e, neste período, a o local permanecerá fechado para visitação.  Instalado em um dos pontos mais altos e considerado um dos principais cartões de visita de Campinas, o antigo reservatório elevado da Sanasa proporciona aos visitantes uma vista da cidade em um ângulo de 360º.  Considerada patrimônio arquitetônico do município, em 2008 a construção foi tombada pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Campinas (Condepacc).

Mais informações sobre a Torre do Castelo

A Torre do Castelo, antes conhecida como O Castelo D’água, era uma caixa de água de 27 metros de altura construída em um dos pontos mais altos de Campinas, erguido em 1940 em local estratégico para o desenvolvimento urbano da cidade, foi criado para abastecer os bairros que se formavam na região norte.

Leia também: O que o ciúme esconde?


Na década de 1970, o obelisco, construído em art déco, ganhou um mirante que proporciona uma visão de 360 graus da cidade. Em condições climáticas favoráveis, dá para enxergar até a Serra do Japi, a 40 quilômetros de distância.
Em 1972, a Torre foi reformada para abrigar uma sala circular e foi criado um novo projeto urbanístico na praça. Em 1991, o prédio recebeu novas alterações para a instalação do Museu Histórico da Sanasa.
Já em 1998, o edifício e a praça passaram por uma grande restauração para suas características originais.
É uma boa oportunidade para conhecer um pouco mais de Campinas: cada uma das seis janelas exibe um painel que indica os bairros localizados na direção correspondente

(Fonte: PMC)

Leia também o JORNAL DO CASTELO

Read Previous

Viracopos tem os melhores 9 meses em carga

Read Next

Sanasa adia ação social para quinta-feira

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *