Novembro branco chama a atenção para o câncer de pulmão

Além do tumor de próstata, o mês também é de conscientização do câncer de pulmão; E, para alertar a população de Campinas, Sumaré, Hortolândia, Indaiatuba e Jaguariúna, o Grupo SOnHe irá percorrer diversos pontos das cidades com seu  pulmão gigante inflável, de seis  metros de altura

Pulmão gigante no centro de Campinas / Divulgação

A campanha de conscientização do câncer de próstata, o Novembro Azul, já é bastante consolidada no mundo todo. Mas o mês de novembro também chama a atenção para outro tipo de tumor, o de pulmão. “No Brasil, o câncer de próstata é o mais comum nos homens (sem considerar os tumores de pele não melanoma). Cerca de 30,% de todos os tipos de câncer masculino é o de próstata, seguido pelo de pulmão (8,7%), que é o primeiro no ranking dos cânceres em todo o mundo desde 1985, tanto em incidência quanto em mortalidade. Um bom motivo para também alertar a população neste mês de novembro”, afirma André Deeke Sasse, CEO do Grupo SOnHe – Sasse Oncologia e Hematologia.

De acordo com Vinicius Correa da Conceição, também oncologista do Grupo SOnHe, o tabagismo e a exposição passiva ao tabaco são importantes fatores de risco para o desenvolvimento de tumor no pulmão. Em cerca de 85% dos casos diagnosticados, o câncer de pulmão está associado ao consumo de derivados de tabaco. “Os pacientes que fumam têm, em média, 14 anos a menos de expectativa de vida em relação aos que não fumam. De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde, 7 milhões de mortes ao ano ocorrem por doenças causadas pelo cigarro, sendo 12% dessas mortes em fumantes passivos. Só no Brasil são 400 mortes por dia.

Para chamar a atenção da população de Campinas, Sumaré, Hortolândia, Indaiatuba e Jaguariúna para o câncer de pulmão, o Grupo SOnHe, por meio da sua Campanha Papo de Homem  vai instalar em dias diferentes um  inflável gigante do órgão por diversos locais das cidades. “Estamos enfrentando uma pandemia, mas nem por isso devemos deixar de realizar ações para conscientizar a população sobre um câncer evitável, como o de pulmão. Ele foi o responsável por 28 mil mortes em 2018. No fim do século XX, este tumor se tornou uma das principais causas de morte evitáveis. O que mais sensibiliza é saber que uma doença tão letal poderia ser evitada na maioria das vezes com a parada do uso do cigarro. O câncer de pulmão certamente é o que mais sofre influência dos nossos hábitos de vida”, afirma Dr. André.

Confira os locais onde o pulmão itinerante irá percorrer:

·         Dias  12 e 13: Av. Dr. Heitor Penteado, 1.780, em Campinas,no Radium-Instituto de Oncologia.

·         Dias 16 a 19: Alameda dos Flamboyants, s/nº – região do Gramado,em Campinas, na entrada do Cemitério Parque Flamboyant..

·         Dia 20: Av. Nossa Sra. de Fátima, 765 – Taquaral, em Campinas,na Cervejas Daoravida. Neste dia, 10% do valor do chopp Canela Fina vendido, será revertido em tratamento inicial para estimular pessoas  a pararem de fumar.

·         Dia 21: Av. José Vedovatto, 1.900, Jd. Bom Retiro,Sumaré no Good Bom.

·         Dia 22: Condomínio Villa Flora em Sumaré

·         Dias 24 a 26:  Av. Antártica, 1.353, em Jaguariúna, na AMBEV.

·         Dia 27: Caravela na Lagoa do Taquaral,em Campinas.

·         Dia 28: Av. da Emancipação, 1.550, Jd.do Bosque, Hortolândia, no Good Bom.

·         Dia 30: Rua João Giaquinto, 386, Jd. Hubert, em Indaiatuba, no Good Bom.

Read Previous

Dia Mundial do Empreendedorismo Feminino incentiva e valoriza mulheres em todo o mundo

Read Next

Unicamp divulga Edital do Vestibular Indígena 2021

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *