Zika vírus ainda é ameaça para saúde das gestantes

O vírus Zika, uma das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, pode colocar em risco a pessoa infectada. A picada do mosquito pode levar a complicações neurológicas, como encefalites, e até causar microcefalia em bebês. Quem explica é o médico sanitarista da Fiocruz, Cláudio Maierovitch. 

“Se observou que gestantes que tiveram infecção pelo vírus Zika, em algumas ocasiões, transmitiram este vírus para o bebê, para o feto. Isso causou más-formações, particularmente o nascimento com um tamanho de cabeça pequena, que é chamado de microcefalia, em que o cérebro não se desenvolveu adequadamente. Uma situação muito grave.”

Prevenção

O Ministério da Saúde recomenda às gestantes a utilização de telas em janelas e portas, uso de calças e blusas compridas e de repelentes nas áreas expostas do corpo, especialmente nas épocas mais chuvosas do ano. 

Para prevenir a proliferação do mosquito, elimine água armazenada dentro de casa e nos quintais. Ralos, vasos de plantas, pneus, garrafas plásticas, piscinas sem uso e sem manutenção, e até mesmo recipientes pequenos, como tampas de garrafas.

Read Previous

Hospital de Clínicas da Unicamp pode realizar diagnóstico da Covid-19

Read Next

Bancos ficam lotados com liberação de R$ 600 durante pandemia do Covid-19

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *