Campinas começa as obras do hospital de campanha para atender pacientes do Covid-19

O Hospital de Campanha de Campinas começou a ser montado nesta segunda-feira, 20 de abril, no prédio dos Patrulheiros (antiga Guardinha), que fica na Avenida das Amoreiras, 906, no Parque Itália, próximo ao Hospital Mário Gatti. A estrutura servirá exclusivamente para atendimento de pacientes com Covid-19. Os custos estão sendo bancados pela ONG Expedicionários da Saúde, que também está fazendo as instalações. A previsão é que o hospital comece a funcionar em quatro semanas. 

Ao todo serão 114 leitos de retaguarda para internação de pacientes de menor complexidade. O local receberá somente casos encaminhados pela Central de Regulação. Não serão atendidas demandas espontâneas. A montagem será em módulos. Inicialmente, serão disponibilizados 36 leitos. Os demais serão entregues por etapas. A parceria entre a Prefeitura e a ONG foi formalizada na sexta-feira, 17 de abril. A gestão do hospital será da Rede Mário Gatti, que viabilizará a sua operação por meio de parcerias que estão sendo alinhadas juridicamente. Para o custeio, estão sendo viabilizados os recursos junto aos governos estadual e federal. Profissionais da Rede Mário Gatti já estão conhecendo as estruturas do hospital de campanha da Prefeitura de São Paulo, no Estádio do Pacaembu, no sentido de verificarem detalhes para poder compartilhar a experiência da capital na montagem do Hospital de Campanha de Campinas.

Read Previous

Festa do Peão de Americana anuncia a nova data

Read Next

Flexibilização da quarentena em Campinas dependerá de avaliação da Saúde

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *