Partidos definem 13 candidatos a prefeito de Campinas

Boa parte das chapas traz uma mulher como candidata a vice

Prefeitura e Sindicato buscam liberação de R$ 23 milhões embargados |  Notícias | Prefeitura Municipal de Campinas
Prédio da Prefeitura de Campinas/Divulgação campinas.sp.gov.br

As convenções partidárias se encerraram neste último final de semana, dentro do prazo previsto pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). E, Campinas terá nada menos que 13 candidatos concorrendo à principal cadeira do quatro andar do Palácio dos Jequetibás. Além desta disputa trazer o maior número de candidatos, a novidade é a presença de mulheres como vice na composição de boa parte das chapas. O próximo passo é a validação dos nomes pela Justiça Eleitoral. As eleições municipais para escolha de prefeitos e vereadores ocorrem em 15 de novembro e, se houver segundo turno, será no dia 29 de novembro.

Todos os treze concorrentes ao cargo de prefeito estão definidos, mas em alguns partidos ainda falta a definição do candidato a vice-prefeito.

São candidatos:

O deputado estadual Rafa Zimbaldi, do PL, ganhou o apoio do PSDB, que, por sua vez, indicou a psicóloga Ana Beratriz para vice na chapa. AnnaB, como é conhecida, é esposa do deputado federal Carlos Sampaio.

A Justiça declarou legal a convenção feita pelo PSL, que apoia o médico e ex-secretário Dário Saad e tem como vice Wanderlei de Almeida (o Wandão), homem de confiança do atual prefeito, Jonas Donizette.

A candidatura do também médico e ex-prefeito Dr. Hélio (PDT) ainda é uma incógnita. O pedetista garante que irá até o fim, mas isso também vai depender da Justiça. Surya é a candidata a vice.

O TRE foi acionado para que anulasse a candidatura de Hélio, que aparece em segundo lugar, atrás de Rafa Zimbaldi, em alguns levantamentos de intenção de votos.

Na disputa, a Delegada Teresinha também segue firme em sua campanha, com apoio dos nanicos PMB e Prona. Sem vice definido.

O PT terá o médico Pedro Tourinho como candidato a prefeito, com apoio do PSOL indicando Edilene Santana como vice na chapa.

O vereador Artur Orsi será candidato a prefeito pelo PSD de Gilberto Kassab. Seu vice ainda não está definido.

André von Zuben, também ex-secretário e atual vereador, concorre à prefeito pelo Cidadania e terá como vice a jornalista Valéria Monteiro, da Rede.

O Partido Verde terá novamente o ex-secretário municipal Rogério Menezes como candidato, também ainda sem definição do vice.

O outro partido de esquerda, o PSTU, terá como candidata, a petroleira Laura Leal.

O PMN apresenta como candidato o professor Ahmed Tarique.

O empresário Wilson Matos será o candidato pelo Patriotas, que compõe a chamada chapa pura, tendo a administradora Márcia Padovani como vice.

Já o PCdoB escolheu como candidata a historiadora e urbanista Alessandra Ribeiro. Ainda falta definir o vice.

O candidato do PRTB (Partido Renovador Trabalhista Brasileiro) será o tenente da reserva da Aeronáutica Rogério Parada. Seu vice é Marco Antônio de Freitas Pires.

O prazo para o registro de todas essas candidaturas junto à Justiça Eleitoral, será até o dia 26 deste mês de setembro.

Read Previous

Poupatempo de Campinas comemora 16 anos

Read Next

Artigo: Trem São Paulo – Campinas e TIC (Trem Intercidades)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *