Sesc Campinas evidencia reflexão sobre a luta dos povos indígenas

Abril Indígena, campanha para conscientização e incentivo ao respeito às diferenças tem exibição de filme com áudio descrição, no dia 11/4

Rodas de conversa, apresentações artísticas e momentos de convivência integram a programação do Abril Indígena, que este ano traz como assunto principal a luta dos povos indígenas por seus territórios. Esta iniciativa do Sesc-SP busca não somente possibilitar que público tenha contato com a alteridade e a diversidade relativas a diversos povos, mas, principalmente, perceba os indígenas como ativos cidadãos brasileiros, potentes defensores de direitos que visam à construção de uma sociedade mais equitativa, democrática e humana.

A programação do Sesc Campinas, com o apoio da Virada Sustentável Campinas 2019 (viradasustentavel.org.br),  traz três atividades como destaque: debate a partir do filme Piripkura sobre a garantia dos direitos dos índios isolados no Brasil (dia 11, às 19h) com áudio descrição; encontro com Kariri-Xocó (dia 13, às 14h30) – que estão localizados na região do baixo São Francisco, no município alagoano de Porto Real do Colégio, cuja sede fica em frente à cidade sergipana de Propriá – com danças, cantos, bate-papo e pintura corporal, conversa sobre como funciona a demarcação das terras indígenas e passeio ao Sítio do Sol, réplica de uma aldeia e, por fim, a reflexão Como As Terras Indígenas Protegem a Biodiversidade (dia 14, às 15h), com a presença de Joana Cabral de Oliveira, Pedro Delante e Karen Shiratori. Todas as atividades são gratuitas e abertas a todos os públicos.

Read Previous

Plataforma online facilita aluguel de imóveis estudantis

Read Next

Produtores abrem estufas de flores e plantas para turistas no próximo fim de semana

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *